50 horas de festa para o povo no 6º Carnaval da Diversidade e 31º Lavagem da Esquina do Padre

A maior festa popular da região.

Nos dias 19, 20 e 21 de janeiro, a Prefeitura de Caetité, através da secretaria municipal de Cultura, Esporte, Lazer e Turismo, em parceria com a Lavagem da Esquina Produções, realizou a maior festa de participação popular da região: Carnaval da Diversidade e Lavagem da Esquina do Padre 2018.

Trios elétricos sem corda, cortejos culturais, criativas fantasias, o boi de Idalino, as caretas, os blocos alternativos, as baianas, muita tradição, cultura, diversão, arte, tudo isso com muita paz. Um evento feito para o povo, com espaço para todos os gostos, idades, todos os grupos, contemplando os mais variados gêneros musicais, com levadas, manifestações populares, os grupos dos bairros, e espaço também para os trios elétricos, com blocos de cordas e sem cordas.

Nelson Júnior, integrante da Esquina do Padre Produções, reconta os mais de 30 anos de história da Lavagem da Esquina do Padre, dando destaque para cada integrante da levada, como as baianas, o Boi de Idalino, as caretas, os bonecos, as fantasias, os blocos e os grupos. “A nossa intenção com esta parceria é valorizar e fortalecer a nossa cultura mais do que nunca. E posso afirmar, sem dúvidas, que esse é o maior evento cultural da região.”, afirmou.

Em 2018, a festa começou desde a noite de quinta-feira (18/01), quando o Anfiteatro da Praça da Catedral foi palco do desfile para a escolha do Rei Momo e da Rainha da festa. Na oportunidade, Ananda Daniele Oliveira, foi eleita Rainha, e Heitor Chaves Castro, foi eleito o Rei Momo.

A partir da sexta-feira (19/01) além dos cinco blocos com cordas, o povo pôde curtir as atrações NegraCor, Pagodart e os nossos grandes artistas locais, Piu e Banda, e Idalino e Banda Última Hora, nos trios sem cordas da Prefeitura. E, na tarde do domingo (21/01), mais uma novidade desse ano, o Bailinho de Carnaval, para as crianças caetiteenses, com marchinhas e músicas carnavalescas.

O cortejo é o coração da festa e leva muita alegria, irreverência e diversidade pelas ruas de Caetité. O desfile, realizado no sábado (20/01), foi acompanhado dos foliões fantasiados, blocos independentes, grupos culturais, baianas, capoeira, caretas, bonecos e o tradicional Boi de Idalino, embalados pela fanfarra, revivendo os antigos carnavais. E, a Lavagem em si aconteceu na Praça da Catedral, na esquina da casa onde viveu Monsenhor Osvaldo Magalhães.

O prefeito Aldo Gondim comemorou a realização de mais um ano dessa grande festa, que já é consagrada como o maior evento popular da região. “É com muita alegria que realizamos uma festa tão grande, verdadeiramente democrática, feita para o povo, com espaço aberto para as mais diferentes manifestações populares. É uma festa democrática, para o povo de Caetité e toda a região. Em 2019 estaremos juntos mais uma vez”, afirmou o prefeito.

Deixe um comentário